Canção do desesperado

 

Amarga doce noite bela
Contestante escuridão
Passando, morrendo
Clara noite escura.

Querida, amada
Vida amarga.
És tu o existir?
Amada vida amarga.

Querido chegado dia
Quente ou frio
Claro, claro és.
Passa, morre, revive.

Amada e esperada morte
És tu que tudo finda?
Se és não sei,
Se sei não és.

Querdo, querido fim
Sei ques estás por vim
Venha logo
Buscar a mim.

Anúncios

~ por tikogabbagabba em 03/10/2010.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: